Polícia encontra bebe enterrado em Braço do Norte

A guarnição foi acionada na noite do último domingo, 30 de agosto para atender ocorrência de abandono de recém-nascido e encontro de feto abandonado. No Hospital Santa Teresinha deu entrada E.C.M., 21 anos, com sinais de parto, sem o feto, com muito sangramento. A enfermeira relatou que dias atrás a jovem deu entrada no hospital. Atendida, foi feito tomografia, ultrassom e visto o feto estava com mais de 30 semanas. De acordo com os médicos e enfermeiros em exame específico, neste domingo, foi possível determinar que E.C.M. teve a criança.

A feminina mora no bairro Vila Nova, disse que na última quinta-feira tinha sentindo dor, sangramento e alguns pedaços do feto saíram e jogou no lixo. No dia seguinte o caminhão de coleta de lixo levou. A guarnição fez contato com o Conselho Tutelar que se fez presente, bem como com a Polícia Civil que posteriormente iria no hospital. Não convencido da versão da feminina a guarnição PM, se deslocou a casa e, após cavar no fundo do lote, achou uma sacola de mercado com um bebê dentro.

O vizinho e proprietário da residência disse que na última quinta-feira por volta das 16 horas, E.C.M. pediu uma enxada dizendo que iria fazer um canteiro de flores. Ela também havia pedido para ele se deslocar a farmácia para comprar absorventes para ela. Segundo o vizinho, ao voltar da farmácia o canteiro já estava pronto, local onde os policias encontraram o bebê.

De pronto a guarnição isolou o local e fez contato com a Polícia Civil, IGP (Instituto Geral de Polícia), que estiveram no local. Outra vizinha, disse ter ouvido na última quinta-feira, por volta das 15 horas, um choro de bebê vindo do banheiro da casa de E.C.M..

A polícia registrou o caso como Infanticídio/Encontro de feto abandonado.


Leave a Comment