Projeto polêmico é tirado de pauta

O polêmico Projeto de Lei de autoria da mesa diretora da Câmara de Braço do Norte, que tem o vereador Celso Onei Martins, o “Torrado” (PTB) como presidente, que propunha aumentos de salários que variam entre 8% e 48% para os servidores do Legislativo foi tirado, às pressas, da pauta de votação da Sessão Extraordinária que havia sido marcada para a noite desta quinta-feira, 27 de fevereiro.

A vereadora Arlete Ramos (PP), antevendo possíveis discrepâncias, havia protocolado um pedido de suspensão desta votação até ter um parecer jurídico ser emitido, tamanha a complexidade.

 

 


Leave a Comment