sexta-feira, janeiro 22Diário online de Braço do Norte

Prefeitura estima em 20 mil os foliões

A organização acredita que cerca de 20 mil foliões tenham passado pela Avenida Jorge Lacerda e se divertido no Carnaval de Rua de Braço do Norte, na última sexta-feira, 14 de fevereiro. O Comando da Polícia Militar diz que não chegou a 10 mil pessoas. Independentemente da quantidade, o que importa foi a alegria dos presentes que, pelo terceiro ano consecutivo, seguiram um roteiro que contou com desfile e animação atrás de um trio elétrico.
Segundo Allan Lopes Prudêncio, secretário adjunto de Obras e membro da Comissão Permanente de Festas da Prefeitura, estima-se que, aproximadamente, cinco mil pessoas a mais tenham se divertido no Carnaval organizado pelo município. “Tinha bem mais gente que o ano passado na avenida”, avalia o secretário. Para garantir o sucesso da festa, foram contratados 100 seguranças e instalados 46 banheiros químicos em toda a extensão da avenida. Para ter acesso ao local da festa, o folião passava por uma revista para evitar o ingresso de qualquer objeto que pudesse colocar em risco a vida das pessoas, como garrafas de vidro. Para realizar esta barreira, a prefeitura instalou 400 metros de grades.
Um dos pontos altos do Carnaval foi o desfile da Escola de Samba Unidos do Vale. Eles levaram para a avenida 30 integrantes a mais que o ano passado. Foram 120, sendo 56 somente na bateria. “Além dos seguranças contratados, tivemos cerca de 30 policiais militares atuando no efetivo, além de bombeiros e equipes de saúde como o Samu”, enfatiza Allan. Outro destaque, para ele, foi a própria participação dos foliões fantasiados. “Acredito que, pelo menos, a metade de quem estava na avenida se preparou para o Carnaval com fantasia ou abadá”, comemora.
A limpeza da cidade pós evento também chamou a atenção. Uma equipe de 20 pessoas, divididas em três grupos, entregou a avenida na manhã de sábado. “Uma turma entrou em cena logo no começo da noite, não deixando que o lixo se acumulasse. Outro grupo seguiu o trio elétrico recolhendo o lixo, e a terceira equipe iniciou a limpeza no começo da madrugada, lavando as ruas e calçadas”. Allan explica que o trabalho encerrou às 4 da manhã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale