quinta-feira, janeiro 28Diário online de Braço do Norte

PRAÇA NOVA

Voo do Mosca

Apresentado na última reunião do Conselho de Desenvolvimento Local (DEL) de Braço do Norte a revitalização da Praça Coronel Collaço. Feito completamente de maneira voluntária pelos membros da Câmara Técnica Urbano, o projeto, que está em sua faze final de elaboração, vai dar uma nova cara à conhecida “Praça da Rodoviária”. Além de resgatar a história que está contida nela, terá espaço para playground infantil e até mesmo a exploração de uma lanchonete pela iniciativa privada. O projeto deve ser concluído no mês de outubro e entregue à Prefeitura para a execução da licitação e, posteriormente, a obra.

“A grande família”

“Augustinho Carrara”, o motorista e pré-candidato a vereador pelo PT em Braço do Norte, está fora do pleito. O candidato não conseguiu juntar toda a documentação que asseguraria a sua inscrição do candidato. Segundo ele, o colégio que estudou em Grão-Pará não localizou seu histórico escolar. Augustinho, agora, apoia sua irmã, Albertina Rosa de Oliveira. Dessa vez, nem o Lineu deu jeito.

Eleições

Com o número cada vez mais reduzidos de casos de Covid-19 e com a liberação de eventos, tudo leva a crer que a eleição das duas diretorias da Cerbranorte (Distribuição e Geração) deva acontecer ainda este ano. O administrador Judicial, Cristiano Orlandi, em sua última manifestação à Justiça, no começo de setembro, disse que seriam necessários de quatro a seis semanas para poder emitir um parecer conclusivo e publicar um edital com as novas datas das assembleias e eleições. Aguarda-se, então, ainda para o mês de outubro, a retificação do edital, ou mesmo a confecção de um novo. Bem provável que o pleito da Cerbranorte ocorra logo após as eleições municipais. As novas diretorias assumiriam no início 2021.

Inspiração 1

Grandes histórias são inspirações para muitas pessoas. Principalmente quando vêm de dentro de casa. Na política não é diferente. Em Braço do Norte, um conhecido exemplo de inspiração familiar na política chama a atenção. O atual prefeito Beto Marcelino (PSD), tomou para si o sonho de seu falecido pai, Newton Marcelino, em se tornar vereador. Newton não teve tempo de conquistar uma cadeira na Câmara. Beto, por sua vez, disputou três vezes o Legislativo, vencendo uma, e foi mais longe: se tornou prefeito. Hoje, disputa a reeleição.

Inspiração 2

Também inspirado na história de seu pai, o candidato a vereador pelo PP Allan Lopes Prudêncio, filho de Jovânio Prudêncio, o “Nego Preto”, busca a realização de um sonho de toda a família ao disputar pela primeira vez a cadeira de vereador. Seu pai foi candidato a vereador diversas vezes e participa diretamente da vida política de Braço do Norte. Em uma das disputas, faltaram poucos votos para alcançar o objetivo. Allan, a exemplo de Beto, se espelha no exemplo do pai; carismático e solícito. Espera ter o mesmo sucesso que o atual prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale