domingo, fevereiro 28Diário online de Braço do Norte

Por que devo parar de fumar?

Essa sexta-feira, 31 de maio é a data para lembrar dos malefícios que o tabaco causa a saúde das pessoas e também ao meio ambiente

Esta sexta-feira, 31 de maio é marcada mundialmente pelo incentivo à informação antitabaco. Data criada, em 1987, pela Organização Mundial da Saúde (OMS), para levar a reflexão sobre os perigos do tabaco a saúde da população e também ao meio ambiente.

No Brasil a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) adverte que o consumo do cigarro é a principal causa de morte evitável no país. Número que corresponde a mais de 200 mil mortes anuais.

O pneumologista e especialista em doenças causadas pelo tabagismo da Clínica Pró-Vida, em Tubarão, Dr. Filipe Viana Correa, alerta para a importância de parar de fumar o mais breve possível. “Atualmente sabe-se que estão presentes na fumaça do cigarro 4720 substâncias tóxicas, entre elas a nicotina, além de substâncias radioativas, como polônio e cádmio. Grupo presente também nas baterias usadas nos veículos. Produtos que são altamente prejudicais a saúde”, informa.

O pneumologista acrescenta ainda que o tabagista tem 10 vezes um risco maior de adoecer. Um exemplo é ter câncer de pulmão, um risco cinco vezes maior em sofrer um infarto ou ter uma bronquite crônica, enfisema pulmonar ou derrame cerebral, entre outras tantas doenças. “É muito importante sabermos que ser um tabagista é carregar dois tipos importantes de dependências, a psicológica e a química. A primeira sendo muitas vezes recorrer às terapias, com auxílio de psicólogos e a química, com a utilização de medicamentos para parar de fumar, ao diminuir a ansiedade ou nos receptores de nicotina”, orienta o médico.

Doenças provocadas pelo tabagismo

Muitos estudos apontam o consumo de derivados do tabaco como causa de mais de 50 doenças diferentes, principalmente as cardiovasculares (infarto, angina), o câncer e as doenças respiratórias obstrutivas crônicas (enfisema e bronquite).

Tabagismo também é responsável por:

– mais de 200 mil mortes por ano no Brasil (23 pessoas por hora);

– 25% das mortes causadas por doença coronariana;

– 45% das mortes causadas por doença coronariana na faixa abaixo dos 60 anos;

– 45% das mortes por infarto agudo do miocárdio na faixa abaixo de 65 anos;

– 5% das mortes causadas por bronquite e enfisema;

– 90% dos casos de câncer no pulmão (entre os 10% restantes, 1/3 é de fumantes passivos);

-30% das mortes decorrentes de outros tipos de câncer tabaco-relacionados (boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga e colo do útero);

– 25% das doenças vasculares (derrame cerebral, trombose).

O tabagismo ainda pode causar:

– impotência sexual no homem;

– complicações na gravidez;

– aneurismas arteriais;

– úlcera do aparelho digestivo;

– infecções respiratórias.

Se parar de fumar agora…

– após 20 minutos sua pressão sanguínea e pulsação voltam ao normal;

– após 2 horas não tem mais nicotina no seu sangue;

– após 8 horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza;

– após 2 dias, seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar readquire a capacidade de identificar sabores;

– após 3 semanas a respiração fica mais fácil e a circulação melhora;

– após 5 a 10 anos o risco de sofrer infarto será igual ao de quem nunca fumou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale