NEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS

O Conselho Monetário Nacional (CMN) determinou que bancos podem suspender até duas prestações de financiamento de imóveis e veículos por 6 meses, além da negociação de outras dívidas. A medida entrou em resposta à crise provocada pelo novo coronavírus. Dentre as instituições estão a Caixa Econômica Federal, Bradesco, Itaú e Santander. A Caixa permite que financiamentos com até duas parcelas em atraso sejam congelados. Já para os outros bancos, os cidadãos devem estar com todas as prestações pagas até o momento. De acordo com o educador financeiro Alexandre Arci, a suspensão das parcelas permite a flexibilização de datas. Assim, as pessoas podem pagar contas prioritárias como água, luz e alimentação. Para ele é preciso que as pessoas se organizem e tenham uma reserva financeira, para que em momentos como esses, elas não precisem fazer grandes sacrifícios. O Banco do Brasil começou a disponibilizar a prorrogação de duas parcelas nas dívidas de micro e pequenas empresas. Em nota, o BB informa que estas parcelas serão migradas para o final do cronograma de pagamentos, e os juros serão diluídos por todo o prazo do financiamento.

CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA ASSINANTES


Leave a Comment