sexta-feira, janeiro 22Diário online de Braço do Norte

Morre a mãe do prefeito de Gravatal

Matildes Nazario Marega tinha 92 anos e residia há 40 anos nas Termas

Mãe do prefeito Wanderlei Marega, a costureira aposentada Matildes Nazario Marega, faleceu na tarde desta quarta-feira, 30 de dezembro, aos 92 anos.

Além de Wanderlei, Matildes teve outros cinco filhos

Matildes nasceu e passou sua infância e adolescência, na comunidade de Olaria, Armazém. Aos 18 anos casou com Pedro Marega e foram residir no bairro Bela Vista, em Gravatal, para trabalhar na lavoura. Aos 20 anos mudaram para Criciúma. Pedro foi trabalhar na mina de carvão e Matildes aprendeu a costura sob medida. Virou uma ótima costureira ficando por lá até os 23 anos, quando retornaram a Gravatal para trabalhar na lavoura. Com o trabalho suado da lavoura e da costura, conseguiram estudar e dar o melhor a seus filhos.

Por volta de 1970, Matildes iniciou um trabalho de confecção de acolchoado de lã, onde fabricava a mão e vendia de casa em casa. Com resultado desse trabalho conseguiram, comprar seu primeiro carrinho, um Fusca verde. Adquiriram também um lote em Termas onde, já aposentados, mudaram-se para lá nos anos de 1980.

Uma mulher muito católica, que sempre participou e ajudou nas festas da igreja, principalmente nas de São Sebastião. Além de Wanderlei, teve outros cinco filhos: Salésia, Terezinha (em memoria), Fatima, Maricelia e Pedro Paulo. Tinha 14 netos e 18 bisnetos.

A família ainda não informou o horário do sepultamento.

Para receber notícias diretamente no seu watsapp entre na nossa lista de transmissão. https://chat.whatsapp.com/BbhaYxFdyfSFP8A3byxHe9

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale