sexta-feira, janeiro 15Diário online de Braço do Norte

Mesa diretora da Câmara é destituída

A mesa diretora da Câmara de Vereadores de Braço do Norte foi destituída. Acatando um pedido de liminar, o juiz de direito Lírio Hoffmann Júnior suspendeu na tarde desta segunda-feira os efeitos da eleição da presidência do Legislativo realizada em 16 de dezembro de 2019, referente à composição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Vereadores.

Sessão foi realizada on-line esta semana

O pedido de liminar foi feito pela vereadora Arlete Ramos. Segundo informou ao magistrado, a Câmara não respeitou a Lei Orgânica que proíbe a reeleição de presidência do Legislativo. O vereador Celso Onei Martins, o “Torrado”, assumiu a presidência com plenos poderes com a renúncia de Jacinto Perin, em 2019. Por isso, o juiz entendeu, em uma primeira análise, que Torrado não poderia ter sido reeleito. No começo de março, o presidente renunciou e o vice, José Ricardo Medeiros, assumiu a Casa.

CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA ASSINANTES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale