Lindomar em Brasília

Prefeito Lindomar Ballmann (PSD) embarca na próxima segunda-feira para Brasília para viabilizar a destinação de emendas ao município. É a semana em que os parlamentares devem definir os municípios e ações que pretendem destinar recursos em 2020. Das emendas previstas para 2019, apenas duas não foram liberadas. Uma do deputado federal Daniel Freitas e outra do Coronel Armando. Busca reverter esta situação.

 

Indefinição

Quando saí de férias, há duas semanas, o advogado Lauro Boeing Júnior havia desistido de disputar a eleição para a Cerbranorte Distribuição por não aceitar ser vice do PP. Em seu lugar, teria sido indicado o vereador Israel de Souza. O candidato indicado pelo PP era o também advogado Evandro Ascari. Um áudio em que o ex-prefeito Ademir Matos (MDB) dizia que o partido não apoiaria esta composição implodiu a chapa. Ascari desistiu e Israel foi para um voo solo.
Volto de férias e descubro que o PP ainda bate cabeça em quem lançar como candidato. A cada dia, um novo nome surge e uma nova composição é apresentada. A última ouvida é a “dobradinha sindical”. Edemar Della Giustina, presidente do Sindicato Rural sairia de candidato a presidente da Distribuidora e Adriano Schueroff, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, de presidente da Geradora.
Enquanto não sabe quem vai enfrentar, Mayco Niehues e Roberto Kindermann, da Chapa 2, continuam a campanha de corpo a corpo, mostrando as ideias para Distribuidora. Já a candidata a presidente da Geradora da Chapa 2, Valneide Exterkoetter, decidiu se reclusar por cinco dias. De férias, prepara-se, psicologicamente, para a maratona que irá enfrentar nos próximas dias ao lado do colega de chapa Carlito Wiggers, assim que o edital das eleições for publicado.

Data da eleição e assembleia

n Protocolei junto ao administrador judicial da Cerbranorte, Cristiano Orlandi, o pedido para que, dentro das possibilidades, evite chocar a data da realização da assembleia geral Cerbranorte com o jantar Top de Mídia, organizado pela Folha do Vale, e que será realizado na sexta-feira, 3 de abril. Mostrei ao interventor que o evento é tradicional e que irá reunir boa parte dos associados interessados nos destinos da entidade. Orlandi deixou claro que trabalha para realizar a assembleia e a eleição ainda em março. Portanto, o edital deve ser publicado nos próximos dias.

 

Nova missão

Ao deixar o comando da Guarnição Especial, lembrei ao ex-comandante Peterson do Livramento que teria sido o primeiro jornalista na região a anunciar nesta coluna, em 11 de outubro de 2019, sua possível saída, para comandar o Colégio Militar em Laguna. Na época, Peterson disse que acumularia as duas funções. Mas, na verdade, avaliava o tamanho da nova missão que assumiria. Segundo ele, serão 70 alunos novos por ano que ingressarão na escola a partir do sexto ano. Ainda antes de passar o comando, Peterson disse-me que pretende voltar nos próximos anos a atuar no Vale, já que gostou de trabalhar em Braço do Norte. Como Marco Aurélio Ramm deve progredir na carreira para coronel ou se aposentar em três anos, o comando local estaria novamente vago.

 

Um dos motivos que pesou fortemente para o tenente-coronel Marcos Aurélio Ramm aceitar o convite e retornar ao comando da Guarnição Especial do Vale é o fato de ter muitos amigos aqui, além da família, o que lhe fez muita falta nos dois anos que ficou na Capital. Garante que isto foi fundamental quando da decisão de voltar para a região. Disse-me ainda que irá manter os projetos já desenvolvidos pelo comandante Peterson e fortalecer as parcerias necessárias para manter a Guarnição no grau de reconhecimento que possui em nosso Estado.

 


Leave a Comment