sábado, março 6Diário online de Braço do Norte

Grupo estuda filosofias do pensador Huberto Rohden

Estudos ocorrerão a cada 15 dias no Centro Cultural Multiuso. Primeiro encontro acontece nesta quinta-feira, 30. O evento é gratuito e aberto ao público

 

“Eu vim para servir a Humanidade”. Esse foi o legado deixado pelo mundialmente conhecido filósofo Huberto Rohden para as gerações futuras. Natural de São Ludgero, o pensador escreveu mais de 65 obras sobre Ciência, Filosofia e Religião e se destaca por ser o formulador da Filosofia Univérsica.

Com o objetivo de conhecer, entender e aprofundar o conhecimento e dar continuidade a filosofia desenvolvida por Rohden, inicia nesta quinta-feira, 30 de agosto, um grupo de estudos sobre o pensador. O encontro ocorre às 19 horas, em seu memorial, localizado no Centro Cultural Multiuso Dimas Schlickmann, em São Ludgero. A participação é aberta e gratuita.

O grupo será dirigido pelo professor João Ricardo Pereira, de Florianópolis, que conviveu com Huberto e presenciou inúmeras de suas particularidades. A terapeuta olística Simoni Brüning coordenará os trabalhos. Ela é uma estudiosa do filósofo e mantém contato com pessoas próximas ao pensador em sua terra natal. “Estou muito feliz com a possibilidade de reunir pessoas que tem interesse não só na obra e sim em dar continuidade na filosofia, pedido feito pelo próprio Rohden ainda em vida. Há anos mantenho contato com pessoas que tiveram o privilégio de conviver com o filósofo e que podem contar particularidades da vida dele”, relata a coordenadora dos encontros que acontecerão a cada 15 dias.

Na primeira reunião serão entregues livretos com informações sobre o filósofo. A ação conta com o apoio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes.

 

O filósofo

Natural de São Ludgero, Huberto Rodhen (1893-1981) foi professor, filósofo, conferencista e escritor com mais de 65 obras sobre Ciência, Filosofia e Religião, várias delas traduzidas para outras línguas, inclusive o Esperanto e até mesmo em Braille, para institutos de cegos. Rohden não era vinculado a nenhuma igreja, seita ou partido político. Fundou e dirigia o movimento mundial Alvorada, com sede em São Paulo. Passou por vários países, aceitou vários convites de órgãos mundialmente renomados e vivenciou inúmeras experiências. Uma delas foi de 1945 a 1946, quando teve uma Bolsa de Estudos para Pesquisas Científicas, na Universidade de Princeton, New Jersey (Estados Unidos), onde conviveu com Albert Einstein e lançou os alicerces para o movimento de âmbito mundial da Filosofia Univérsica, tomando por base do pensamento e da vida humana a constituição do próprio Universo, evidenciando a afinidade entre Matemática, Metafísica e Mística. Outro momento importante, foi em 1946, quando foi convidado pela American University, de Washington, para reger as cátedras de Filosofia Universal e de Religiões Comparadas, cargo esse que exerceu durante cinco anos. No dia 7 de outubro de 1981, após longa internação em uma clínica naturalista de São Paulo, aos 87 anos, o professor Huberto Rohden partiu deste mundo e do convívio de seus amigos e discípulos. Suas últimas palavras, em estado consciente, foram: “Eu vim para servir a Humanidade”. Rohden deixou, para as gerações futuras, um legado cultural e um exemplo de fé e trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Folha do Vale