Duas décadas dedicadas ao futsal

Desde 1998 trabalhando com a CME de Braço do Norte na modalidade de Futsal, Edenilson pode comemorar várias conquistas

Aos 54 anos, natural de Concórdia, o professor Edenilson Valmor Hebert, recebeu a equipe de reportagem da Folha do Vale para contar, feliz sobre os seus 23 anos de dedicação ao esporte em Braço do Norte. Formado em Educação Física na UNC (Universidade do Contestado), Campus de Concórdia, Edenilson tem duas pós-graduações. Uma em Fisiologia do Exercício e outra de Futebol e Futsal. Inclusive o seu Trabalho de Conclusão de Curso da Pós-Graduação de Futebol e Futsal foi sobre Aspectos Cognitivos de Influência na Aprendizagem do Futsal, sendo divulgado na revista Brasileira de Futebol e Futsal.
Morando desde 1996 em Braço do Norte, onde iniciou como cargo comissionado, logo no ano seguinte foi aprovado em um concurso público na cidade. Edenilson iniciou um trabalho na CME Braço do Norte como técnico das Escolinhas de Futebol de Campo, tendo como seu primeiro grande trabalho, a tradicional competição do Moleque Bom de Bola e no futebol de campo nos Joguinhos Abertos, onde pela primeira vez classificou a cidade entre as seis melhores equipes na Fase Regional.
Em 1998, apaixonado pela bola pesada, o professor Edenilson pediu espaço para trabalhar no futsal. Com o sim dos dirigentes da Comissão do Esporte daquela época, pode iniciar o trabalho que desenvolve até hoje no comando dessa modalidade. Porém, desde 2018 atua somente no naipe feminino, pois optou em fazer estes trabalho com meninas da cidade de 9 anos até a categoria adulto seu grande e novo desafio. “A opção de trabalhar com o naipe feminino foi difícil, já que tivemos um bom trabalho com garotos ao longo dos anos, mas tive que escolher e acabei ficando com o feminino pelo carinho e sequência de treinamento delas que pesou bastante em minha decisão”, acrescenta Edenilson.

Oportunidades

Em 2001, Edenilson, foi técnico da CME Braço do Norte na categoria adulto no Campeonato da LAC. Em 2004 foi técnico de Grão-Pará, aonde ficou em 4º lugar no Campeonato Regional da Adesc. Em 2011 e 2017, técnico do Adulto da CME Braço do Norte na fase Microrregional Jasc. No adulto feminino levou a equipe três vezes para o Jasc, fase Estadual e, em 2017, foi vice Sul Brasileiro. Por três anos consecutivo foi campeão da Adesc invicto. Com a experiência que teve nas categorias adulto masculino e Feminino, desde 2009 até hoje, Edenilson se considera qualificado para voos maiores em sua carreira. “Estou bem preparado para ser técnico de qualquer equipe de futsal adulto, seja amadora ou profissional. Não é porque tenho 54 anos que vou parar no tempo, estou sempre me especializando nos melhores cursos e estudos do Brasil. A nossa área quanto mais velho, mais melhor e experiente você fica”, acrescenta Edenilson.

Paixão e ambição pela bola pesada

O FUTSAL masculino foi aonde Professor Edenilson conquistou a maioria dos títulos até o momento

Ex-atleta da base da Chapecoense, futebol de campo, após sofrer uma grave lesão, ao quebrar a perna, resolveu investir na faculdade de Educação Física, para poder ser técnico de futsal, esporte esse que sempre teve admiração e só aumentou quando se formou, podendo exercer a função de treinador. Antes disso, foi preparador físico do futebol de campo do Sub 20 do Concórdia E.C.. Professor Edenilson destaca sua ambição, “continuar fazendo um bom trabalho com as meninas, buscando títulos com essas guerreiras. Mas também não escondo, quero também ser técnico de equipes adultas amadoras e de futsal profissional, feminino ou masculino, seja aqui no Estado ou fora dele, sei da minha capacidade. Não sou de ficar falando, gosto de mostrar minhas qualidades trabalhando muito”, complementa.

As conquistas

Desde o ano de 1998 trabalhando com a CME Braço do Norte no Futsal, Edenilson pode comemorar várias conquistas entre medalhas e troféus, um currículo vitorioso. Sendo 68 vezes campeão, 64 vices, 54 terceiros colocados e 8 quartos colocados. Números estes que Edenilson conquistou nos naipes masculino e feminino.

Momento Marcante

Edenilson não esquece o título do Joguinhos Abertos de Santa Catarina, Fase Regional de 2003, que aconteceu em Sombrio, quando os meninos de Braço do Norte, conquistaram o título na Categoria Sub 17, contra Florianópolis dos jogadores Xoxo, Dimas e do técnico Paulinho Xavier, este último, atual técnico da Seleção Brasileira de Futsal. Naquele jogo histórico, Braço do Norte venceu por 4 a 3 na prorrogação depois após estar perdendo de 2 a 0. “Ganhamos da equipe que, naquela época, tinha a melhor geração de atletas do Estado, que depois vinha ser da Seleção. São vários momentos marcantes, mas esse é difícil esquecer”, relembra o professor.

Sempre se atualizando

Sempre buscando se atualizar na sua profissão em especial no futsal, o professor Edenilson continua fazendo cursos de alto nível. O seu currículo é grande e são vários cursos, com os profissionais mais conhecidos e gabaritados do Brasil, que o credenciou vários diplomas, como por exemplo, a Carteira do Curso de nível 02 e 03 da Confederação Brasileira de Futsal. Destaque também para o estágio com os técnicos consagrados Fernando Ferreti, Paulinho Cardoso e Paulinho Xavier. “Tenho vários cursos e estágios, vou sempre continuar fazendo, estou sempre procurando me atualizar”, completa.

 


Leave a Comment