Prevenção e combate ao borrachudo são reforçados em Santa Rosa de Lima

Para apresentar as causas do aumento de borrachudos e as formas de realizar seu controle, uma palestra e roda de conversa foram realizadas no dia 17 de julho, em Santa Rosa de Lima. Organizada pela Associação Socioecológica das Encostas da Serra Geral e Sul Catarinense (Aecosul), o evento foi marcado por informações e prevenções sobre o mosquito no município. Os especialistas explicaram sobre a importância biológica e o ciclo de vida dos borrachudos, incluindo os seus hospedeiros e o seu habitat natural, que ocorre em ambientes com água corrente, como rios e riachos. Uma característica importante é a distância percorrida pelo borrachudo, que pode chegar a 40 quilômetros, tornando necessário o controle também nos municípios vizinhos. Após as palestras, o público participou de uma roda de conversa que esclareceu o trabalho feito para a prevenção e manutenção da cidade, sem mosquito.


Leave a Comment