Edição 14/08/2018

Senado: figurões vão sobrar

Com duas vagas em disputa, podia-se imaginar que a eleição para Senador em Santa Catarina seria mais tranquila. Ocorre que após as convenções e definições das candidaturas a disputa mostra-se acirrada e com nomes de peso e histórico na política do Estado. O que significa que ‘figurões’ irão sobrar. Do jeito que ficou a corrida ao Senado se mostra mais difícil que a própria disputa ao cargo de governador.

Entre os 14 candidatos, temos três ex-senadores tentando voltar ao cargo e um disputando a reeleição. É indiscutível que Esperidião Amin (PP), Paulo Bauer (PSDB) Raimundo Colombo (PSD), e Ideli Salvatti (PT) levem alguma vantagem sobre os demais por já serem mais conhecidos do eleitor. A eles também pode se somar Jorginho Mello (PR), conhecido pelos mandatos de deputado estadual e federal.

Correndo por fora, e como novidades vêm Lédio Rosa de Andrade (PT) e Lucas Esmeraldino (PSL). Seguidos por Andréa Carvalho (PCO), Antônio Campos (PSOL), Diego Mezzogiorno (Rede), Miriam Prochnow (Rede), Pedro Cabral (PSOL), Roberto Salum (PMN) e Ricardo Laudert (PSTU).

 

Amarração do segundo voto

Como são dois votos para o Senado, as coligações também estão tratando de garantir que o segundo voto não escape para uma coligação adversária. A principal tática foi escolher suplentes dos partidos aliados. E nesta história, o Sul entrou com três nomes. O ex-senador Geraldo Althoff (PSD) é o primeiro suplente de Amin (PP). O ex-prefeito de Imbituba Beto Martins (PSDB) é o segundo suplente de Jorginho (PR) e o vice-prefeito de Içara Sandro Giassi (MDB) é o segundo suplente de Bauer (PSDB).

 

O que dizem os candidatos

Sempre que posso, levo a ideia de que o eleitor precisa ouvir com atenção o que cada candidato diz. Sem um pré-conceito sobre a sigla partidária, se é de esquerda, de direita, de centro ou sem rumo. Na última semana fiz algumas perguntas para os candidatos ao governo. As respostas estão sendo publicadas em www.rafaelmatos.com.br. Confira lá no blog e deixe também a sua opinião.

 

Lista em crescimento

Aliás, a lista de candidatos com domicílio eleitoral na região sul, que também está sendo publicada no blog, já tem 55 nomes. Lembro que até o registro final das candidaturas, que podem ser feitas até esta quarta-feira, 15 de agosto, a lista pode aumentar ou diminuir com alguma desistência. Seguimos acompanhando.

 

Debate

O primeiro debate entre os candidatos ao governo de Santa Catarina foi realizado no sábado, em Criciúma, pela Rádio Som Maior FM, e teve a participação de cinco candidatos. O clima cordial marcou o programa. O próximo no Sul deve ser o debate que está sendo organizado pela Rádio Difusora FM de Laguna, que foi remarcado para o dia 1 de setembro. Para esse, os nove candidatos foram convidados e a lista de parceiros na formação do pool também cresceu. As rádios Mampituba FM (Sombrio) e Integração FM (Jacinto Machado) e o jornal Diário do Sul (Tubarão) se somaram aos demais veículos que representam as três microrregiões do Sul do Estado.


Leave a Comment