Biquíni completa 73 anos em boa forma

Foi há 73 anos, no dia 5 de julho em Paris, que nasceu o biquíni. Em mais de sete décadas, houveram variações diversas neste emblemático traje de banho, refletindo a época em que vivem as mulheres que o usam. Por isso, celebra-se mundo afora, em especial no mundo da moda, o Dia Internacional do Biquíni nesta data.

Criado em 1946 pelo estilista francês Louis Reard, o biquíni foi considerado um escândalo pela sociedade da época, e somente as mulheres mais ousadas se encorajaram a usar! No Brasil, o biquíni começou a ser usado no final dos anos 50. Primeiro, pelas bailarinas e depois pelas mulheres mais ousadas a aderir ao traje. Uma das aparições mais famosas nas areias daqui foi da atriz Leila Diniz, que ostentou sua gravidez de oito meses na praia de Ipanema usando um biquíni. A imagem se tornou símbolo da liberação feminina nos anos 70.

Já nos anos 1990, a moda de praia tornou-se ainda mais importante, começando a surgir mais tipos de vestuário e acessórios como a saída de praia, as malas coloridas, os chinelos, óculos, chapéus e toalhas. Os modelos foram triplicando e com a ajuda da evolução tecnológica foram criados tecidos mais apropriados e de melhor qualidade para o banho no mar e na piscina. O Brasil é o país que sem dúvida mais produz e consome biquínis. A peça evoluiu ao longo dos anos em tecnologia e modelagem. Hoje apresenta uma variedade enorme de modelos, agradando aos mais diversos gostos e estilos.

 

Que biquínis esperar para o verão 2020?

Giane Boeing Schuelter, proprietária da Fábrica Cor de Cacau Biquínis de Braço do Norte, diz que para o próximo verão, o calor vem acompanhado de cores quentes, intensificando ainda mais a característica da estação. O vermelho e o amarelo aparecem tanto em tonalidades super acesas quanto em colorações mais queimadas, sendo protagonistas nos looks desejo da temporada.

Já Noemia Boeing Schuelter, que há mais de 20 anos trabalho com a confecção desta peça, acredita que outra tendência que vai se potencializar na moda verão 2020 é o neon, vindo diretamente dos anos 80. Os tons fluorescentes, vibrantes e luminosos, irão aparecer nos looks monocromáticos, detalhes de vestimentas e acessórios, como bolsas e pochetes. A moda praia com certeza se inclui nesta tendência. Quanto às cores, todas estarão em voga, mas principalmente os tons de laranja, verde-limão, rosa quente, azul bic e amarelo sol.

Como surgiu o nome biquíni?

O nome deriva do atol de Bikini, no Pacífico, usado para testes com bombas nucleares. Assim, pretendia-se propor que a mulher de biquíni provocaria, na época, o efeito de uma “bomba atômica. Realmente naquela época, década de 50, caiu como uma bomba. Mas isso é prova de que somos poderosas sim. O biquíni mostra mais do que o nosso corpo, permitindo um bronzeado, mas também empodera, faz a mulher se sentir sensual.


Leave a Comment