Alunos da Apae de SL encantam e emocionam

Apaeanos conquistam o segundo e quinto lugar na 11ª edição do Festival Estadual Nossa Arte, no Centreventos Cau Hansen, em Joinville

Alunos da Escola Especial da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de São Ludgero emocionaram, fizeram bonito e conquistaram o segundo e o quinto lugar na 11ª edição do Festival Estadual Nossa Arte. O evento aconteceu no Centreventos Cau Hansen, em Joinville.

Ao todo participaram do Festival 12 alunos, entre 15 e 44 anos. Geovania Abel, Bruna Bento, Rubia Warmeling, Jucemara Siquera, Paulo Sérgio França, Everton Schpers da Silva, Lucas de Fraga Donato, Eduardo Marcelino, Sidnei Schlickmann Soethe, Tania Mara Restelatto, Edemilson Dutra e Poliana Crozetta Da Veiga.
Os alunos estavam acompanhados da diretora e coreógrafa, Daniela Ouriques Nunes Vicente, e da professora, Cristiane Candido dos Santos Leite. “Eles estão radiantes de felicidade, não pararam de comentar ainda, os olhinhos deles brilham quando falam do Festival. Foi lindo. Esses momentos só nos fazem acreditar que toda a dedicação, esforço e empenho valem muito a pena”, conta a diretora, que comemora a classificação. “É muita emoção. Ficamos em segundo lugar com a dança folclórica, “Tradições Japonesas” e o quinto lugar com a apresentação “Novo ciclo”, na categoria dança contemporânea”.
Daniela faz questão de elogiar os alunos e todos os envolvidos direta e indiretamente. “Foi um esforço de toda equipe da família Apae, os profissionais, a diretoria que sempre está nos apoiando. O troféu de segundo lugar representa muito. É motivo de muito orgulho poder representar São Ludgero em um evento lindo recheado de superação”, declara Daniela, que lembra que esse título de segundo lugar estadual é inédito tanto para São Ludgero, quanto para a região Encosta da Serra na categoria dança folclórica.
O evento é realizado a cada três anos pela Federação Estadual das Apaes de Santa Catarina (Feapaes-SC) com o objetivo de promover a arte entre as pessoas com deficiência de todo o estado. O festival envolveu a participação de 190 Escolas de Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) de Santa Catarina.

Apae de Grão-Pará também participa da etapa estadual
Pela quarta vez a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Grão-Pará participa da etapa estadual do Festival Estadual Nossa Arte, representando a região Encosta da Serra. Ao todo, dez alunos mostraram os seus talentos durante o evento.

Conforme a diretora da Apae, Rosinete Michels Dacoregio Perin, esse ano os alunos concorreram em três modalidades. “Na arte cênica, ficamos em nono lugar, no artesanato conquistamos o quinto lugar, e no concurso de cartaz, o desenho do nosso aluno Edivan Antônio Badiziaki Raduvanski, ficou em segundo lugar no estado”, conta a diretora, que não esconde o orgulho de toda a escola. “Para nós é uma honra muito grande saber que estamos entre os melhores do estado. Valeu cada momento, todo o esforço. Não conseguimos o primeiro lugar, mas somos todos campeões. Campeões em superação, em determinação, em união e dedicação”, declara a diretora.


Leave a Comment